11 de mar de 2011

O Butão e o FIB (Felicidade Interna Bruta)



O Butão é um pequeno país dos Himalaias, no sul da Ásia, entre a China e a Índia. É uma das menores e menos desenvolvidas economias do mundo, com 90% da população vivendo de da agricultura de subsistência e criação animal.
Talvez você tenha alguma lembrança dele, do filme de Bernardo Bertolucci, “O Pequeno Buda”, que realizou alguma cenas em suas grandiosas construções.
O país em que pés de maconha crescem livremente e são utilizados para alimentar os porcos, também é conhecido por ser a primeira nação a banir o tabaco. No entanto, foi em 2009, no Fórum Econômico Mundial em Davos, que o Butão começou a atrair a atenção. Um Monge Butânes tentou explicar o FIB, criado em 1970 pelo ex-rei Jigme Wangchuck, para se contrapor ao PIB, que é baseado em valores econômicos.
O FIB, mede o bem estar da população, ajudando a definir os rumos da nação. É baseado em quatro pilares:
- economia,
- cultura,
- meio-ambiente,
- governo.
Destes se desdobram 72 itens, abrangendo desde o bem estar psicológico, até o acesso a escola. De dois em dois anos são distribuídos formulários para as famílias com questionando se o pai conversa com seus filhos sobre religião, se teve sentimentos suicidas, se o cidadão sente ciúmes, se foi generoso, entre tantas outras coisas. Cada item recebe uma nota, que entra nas complicadas fórmulas matemáticas.
As respostas mostram que sentimentos de ciúmes ou suicídio são raridades. As famílias ainda são muito importantes e não entendem a necessidade de matar ou mentir.
Fico pensando em como foi difícil aquele monge tentar explicar tudo isso em Davos, pois é muito diferente do “nosso mundo”, em que a grande maioria das coisas simples avaliadas pelo FIB são completamente ignoradas pelos nossos governantes. O governo do Butão, entende que a felicidade não é o objetivo em si, mas viabilizar ao individuo condições para que ela surja, sempre lembrando dos ensinamentos budistas.

3 comentários:

cies disse...

Eli,
Estou curtindo mto ler vc!
Parabéns!
Cari

Cristina Sá disse...

ELI,
Gostei muito do seu blog. Gostei muito deste post. Interessante, muito interessante!
Do Butão só conhecia a bandeira, que tem um dragão.
Voltarei mais vezes para ver as postagens antigas
e para ver mais novidades.
um grande abraço da sua mais nova seguidora,
Cristina Sá do blog:
http://cristinasaliteraturainfantilejuvenil.
blogspot.com

Rosa da Rosa disse...

Olá Eli, um país tão pequeno com grandes lições. Sua presença "lá" no blog foi recebida com a mesma ternura que encontrei neste blog. Lindo! Abraço feliz, rosa.